> Sistema Documentação
> Memorial da Educação
> Temas Educacionais
> Temas Pedagógicos
> Recursos de Ensino
> Notícias por Temas
> Agenda
> Programa Sala de Leitura
> Publicações Online
> Concursos & Prêmios
> Diário Oficial
> Fundação Mario Covas
Bom dia
Segunda-Feira , 26 de Setembro de 2022
>> Notícias
   
 
Três pesquisadores levam Nobel de Medicina


Folha de São Paulo 05-10-09

Três pesquisadores levam Nobel de Medicina por pesquisa sobre cromossomos

da Folha Online

Atualizado às 07h59.

Os cientistas norte-americanos Elizabeth H. Blackburn, Carol Creider e Jack W. Szoztak são os vencedores do Prêmio Nobel de Medicina 2009 por suas descobertas de como a enzima telomerase protege os cromossomos, informou nesta segunda-feira o Instituto Karolinska de Estocolmo. O trabalho lança luz nos estudos do câncer e do processo de envelhecimento.

OMS conclui que câmara de bronzeamento provoca câncer
Foto de maço desestimula 39% dos fumantes a pegar cigarro, diz estudo
Cigarro deve causar 10% das mortes no mundo em 2030

O prêmio de Medicina paga com 10 milhões de coroas suecas (US$ 1,4 milhão) e, como os outros prêmios Nobel (exceção para o da Paz), será entregue em 10 de dezembro, aniversário da morte de seu fundador, Alfred Nobel.

Efe/AP

Os americanos Carol Greider, Elizabeth Blackburn e Jack Szoztak ganharam Nobel
O Instituto afirmou que os três tinham "resolvido um problema importante na biologia", ou seja, como os cromossomos foram copiados na íntegra durante a divisão celular e protegidos contra a degradação. A descoberta, segundo os cientistas, estimula o desenvolvimento do potencial de novas terapias.

As extremidades dos cromossomos são chamados telômeros e, caso sejam encurtados, deve afetar na idade das células. Os cientistas especularam que esse processo poderia ser a razão para o envelhecimento, não só em células individuais, mas também do organismo como um todo.

"Mas o processo de envelhecimento acabou por ser complexo e é pensado agora a depender de vários fatores diferentes, os telômeros são um deles. A investigação nesta área continua intensa", disse o instituto. O trabalho do trio na telomerase estimulou o desenvolvimento de novas estratégias terapêuticas, acrescentou.

Blackburn é da Universidade da Califórnia, San Francisco; Greider é da Johns Hopkins School of Medicine, em Baltimore, e Szostak está no Hospital Geral de Massachusetts, em Boston.

A medicina é tradicionalmente o primeiro dos prêmios Nobel concedidos a cada ano. Veja abaixo os últimos premiados na área:

2008 - Harald zur Hausen, Françoise Barré-Sinoussi, Luc Montagnier
2007 - Mario R. Capecchi, Sir Martin J. Evans, Oliver Smithies
2006 - Andrew Z. Fire, Craig C. Mello
2005 - Barry J. Marshall, J. Robin Warren
2004 - Richard Axel, Linda B. Buck
2003 - Paul C. Lauterbur, Sir Peter Mansfield
2002 - Sydney Brenner, H. Robert Horvitz, John E. Sulston
2001 - Leland H. Hartwell, Tim Hunt, Sir Paul Nurse
2000 - Arvid Carlsson, Paul Greengard, Eric R. Kandel

http://www1.folha.uol.com.br/folha/ciencia/ult306u633440.shtml

Folha de São Paulo

Para mais informações clique em AJUDA no menu.

 





Clique aqui para baixar o Acrobat Reader