> Sistema Documentação
> Memorial da Educação
> Temas Educacionais
> Temas Pedagógicos
> Recursos de Ensino
> Notícias por Temas
> Agenda
> Programa Sala de Leitura
> Publicações Online
> Concursos & Prêmios
> Diário Oficial
> Fundação Mario Covas
Boa noite
Sábado , 01 de Outubro de 2022
>> Notícias
   
 
O Rio de Janeiro e a Reforma Pereira Passos


g1.com.br - 07.12.09

Professor fala sobre o Rio de Janeiro e a Reforma Pereira Passos

Idéia era criar nova imagem para a cidade e também para o país.
Entre as mudanças, houve alargamento e construção de ruas.

Do G1, em São Paulo

Entre 1902 e 1906, o Rio de Janeiro viveu uma grande reforma urbana, a reforma Pereira Passos. “A ideia era criar uma nova imagem para a cidade, aliás para o Brasil”, conta o professor de geografia do PH, Cláudio Falcão.



“Vale lembrar que o Rio era a capital, a idéia com sua reforma era tirar a imagem de um país atrasado, rural e escravocrata para passar a imagem de Brasil moderno”.


De acordo com o professor, as mudanças na cidade tiveram como base as reformas parisienses. O objetivo era transformar o Rio em uma “Paris dos trópicos”, segundo Falcão. “Houve embelezamento da cidade, com a construção de praças e jardins, além de abertura e ampliação de ruas”.


Falcão lembra que na época estavam surgindo os automóveis e havia a necessidade de adaptação. “O Rio era o grande porto do país. Era necessário que o espaço urbano favorecesse o acesso. O Rio de Janeiro não podia mais ser aquela cidade do século dezenove, de vielas, quase com traçado medieval. Não era compatível com a modernidade”, acrescenta.



A cidade estreita também favorecia a epidemia de doenças, acreditavam na época. "Era preciso ampliar as ruas para circular mais ar. Era importante também haver mudança na estrutura de saneamento. Os cortiços foram destruídos e essa população ou foi para a periferia ou acabou indo em direção às favelas".



http://g1.globo.com/Noticias/Vestibular/0,,MUL1404164-5604,00-PROFESSOR+FALA+SOBRE+O+RIO+DE+JANEIRO+E+A+REFORMA+PEREIRA+PASSOS.html

g1.globo.com

Para mais informações clique em AJUDA no menu.

 





Clique aqui para baixar o Acrobat Reader