> Sistema Documentação
> Memorial da Educação
> Temas Educacionais
> Temas Pedagógicos
> Recursos de Ensino
> Notícias por Temas
> Agenda
> Programa Sala de Leitura
> Publicações Online
> Concursos & Prêmios
> Diário Oficial
> Fundação Mario Covas
Boa noite
Sábado , 01 de Outubro de 2022
>> Notícias
   
 
Maratona de vestibulando: 4 provas em 5 dias


Folha de São Paulo - 15.12.09

"Maratona" de vestibulando inclui quatro provas em cinco dias

RICARDO GALLO
da Folha de S.Paulo

A estudante Beatriz Alves Braz, 18, mal se recuperou do Enem e já se prepara para duas maratonas nos próximos dias: a segunda etapa dos vestibulares da Unifesp e da Unesp.

Em um intervalo de cinco dias, serão quatro provas. "Agora começa uma prova atrás da outra. Está tudo bem corrido", diz ela, que tentará se organizar para assistir às aulas do cursinho entre as provas. Beatriz tenta uma vaga em ciências biológicas.

O vestibular da Unifesp acontece quinta (17) e sexta-feira (18); domingo (20) e segunda (21), é a vez das provas da Unesp.

Na Unifesp, farão o vestibular os candidatos de apenas 7 dos 26 cursos oferecidos --entre os quais ciências biológicas, medicina e enfermagem. Para eles, as duas provas equivalerão a dois terços da nota; a terceira parte vem do Enem.

Nos demais 19 cursos, a Unifesp não fez vestibular próprio --a seleção será feita inteiramente a partir da nota dos vestibulandos no Enem. O exame nacional também tem peso na Unesp, embora menor: compõe 10% da nota.

Unifesp

Na Unifesp, são 572 vagas disputadas por 18.510 inscritos em sete cursos -32 candidatos, em média, por vaga. O vestibular terá provas de múltipla escolha de português e inglês e questões dissertativas sobre conteúdo específico (biológicas e exatas ou português, história e geografia), mais uma redação.

Na divisão das disciplinas, português é a área que vale mais no vestibular. Nos cursos de exatas ou biológicas, equivalerá a 46% das questões dos dois dias. Em humanas, que só inclui o curso de letras, a participação sobe para 58%.

"De maneira geral, comparando com outros vestibulares, língua portuguesa vale muito [na nota final]", confirma Lúcia de Oliveira Sampaio, assessora para assuntos de vestibular da pró-reitoria de graduação.

Unesp

Já na Unesp, a segunda fase é equilibrada. Há uma redação e 36 questões discursivas --12 de ciências humanas, 12 de matemática e ciências da natureza e 12 de linguagens e códigos.
Na universidade, 27.278 candidatos concorrem a 6.394 vagas, o equivalente a quatro pessoas por vaga. Na primeira fase, havia 76.518 inscritos.

Beatriz, aquela do início da reportagem, foi uma das aprovadas na primeira fase da Unesp. Mas ela diz estar tão ocupada com provas e estudos que não se debruçou sobre as particularidades de cada vestibular. Mesmo assim, tentará se dar bem na Unesp e na Unifesp --ela está prestando ainda Fuvest, Unicamp e UFSCar. "Em uma pelo menos tenho de passar." Guilherme Faria, 18, tenta o mesmo em medicina. "São cursos muito parecidos, e os candidatos acabam sendo os mesmos." Ele fará a segunda fase da Unesp.

http://www1.folha.uol.com.br/folha/educacao/ult305u666608.shtml

Folha de São Paulo

Para mais informações clique em AJUDA no menu.

 





Clique aqui para baixar o Acrobat Reader