> Sistema Documentação
> Memorial da Educação
> Temas Educacionais
> Temas Pedagógicos
> Recursos de Ensino
> Notícias por Temas
> Agenda
> Programa Sala de Leitura
> Publicações Online
> Concursos & Prêmios
> Diário Oficial
> Fundação Mario Covas
Boa noite
Domingo , 25 de Setembro de 2022
>> Notícias
   
 
Livro ressalta importância das coleções de museus


Portal do Governo do Estado de São Paulo - 29.03.10

Livro da Pinacoteca ressalta importância das coleções de museus

Veja São Paulo

Dezesseis historiadores e críticos de arte assinam ensaios focados em trabalhos emblemáticos do museu da Luz

Ao pensarmos no Museu do Prado, em Madri, e no Louvre, em Paris, logo os associamos, respectivamente, a pinturas como 'As Meninas', de Diego Velázquez, e 'Mona Lisa', de Leonardo da Vinci. Até mais do que as mostras temporárias, as obras do acervo permanente atraem visitantes e ajudam a formar a identidade das instituições. Com lançamento previsto para este sábado (27), o livro Arte Brasileira na Pinacoteca do Estado de São Paulo (Imprensa Oficial e Cosac Naify; 240 páginas; 60 reais) estimula o debate sobre a relevância das coleções dos mais importantes museus da cidade. Dezesseis historiadores e críticos de arte assinam ensaios focados em trabalhos emblemáticos do museu da Luz. "Nossa intenção é estabelecer uma revisão crítica da arte brasileira", afirma o diretor da Pinacoteca, Marcelo Araújo. "Instigar reflexões como essa é uma função básica de qualquer espaço cultural público." Confira a seguir o que há de melhor para ver em quatro endereços.

Acervo do Museu de Arte Contemporânea

Em 1963, Ciccillo Matarazzo cedeu sua coleção particular, até então exibida no MAM, à Universidade de São Paulo. Nascia ali o Museu de Arte Contemporânea da USP (MAC). Hoje, o acervo conta com cerca de 10 000 obras, se forem contabilizados os conjuntos sob guarda provisória que antes pertenciam ao ex-banqueiro Edemar Cid Ferreira, ao investidor Naji Nahas e ao traficante Juan Carlos Abadía. A coletiva Entre Atos 1964/68 reúne atualmente 113 delas, todas de artistas brasileiros, a exemplo de Aliança para o Progresso, de Marcello Nitsche.

Rua Da Reitoria 160, Butantã. Tel: (11) 3091-3039

Acervo do Masp

Formado graças à união da ousadia de Assis Chateaubriand com o conhecimento histórico de Pietro Maria Bardi, o acervo do Masp é, reconhecidamente, o mais valioso e importante da América Latina. A coleção reúne 7 600 obras de alguns dos mais importantes nomes da história da arte, caso de Rafael, Goya, El Greco e Van Gogh. Desde 2007, o curador do museu, Teixeira Coelho, tem realizado mostras com novos recortes temáticos do conjunto. Em cartaz até 8 de maio, Romantismo - A Arte do Entusiasmo apresenta 79 trabalhos.

Avenida Paulista 1578, Bela Vista. Tel: (11) 3251-5644

Acervo da Pinacoteca do Estado

Nenhum local da cidade é tão adequado para apreciar a história da arte do país nos últimos 200 anos quanto a Pinacoteca do Estado. Todo o 2º andar do edifício projetado por Ramos de Azevedo e Domiciano Ross (reformado com grande competência por Paulo Mendes da Rocha nos anos 90) é dedicado ao tema. Cerca de 10% das 8 000 obras do acervo podem ser vistas atualmente. Há muitas pinturas de artistas da virada do século XIX para o XX - um território carente na maioria das instituições.

Praça Da Luz 2, Bom Retiro. Tel: (11) 3324-1000

Acervo da Estação Pinacoteca

Instalada na antiga sede do Dops, a Estação Pinacoteca hospeda, além de mostras temporárias, 121 obras da Fundação Nemirovsky cedidas em comodato ao governo do estado e exibidas no 1º andar do museu. Elas integram um conjunto amealhado ao longo de três décadas pelo casal de colecionadores José e Paulina Nemirovsky. Entre as joias raras há peças religiosas de autoria anônima, datadas dos séculos XVII e XVIII. O forte do acervo, entretanto, está no modernismo brasileiro: pinturas de Anita Malfatti, Volpi, Di Cavalcanti, Guignard, Vicente do Rego Monteiro.

Rua General Osório 66, Santa Efigênia. Tel: (11) 3335-4990

http://www.saopaulo.sp.gov.br/spnoticias/lenoticia.php?id=208828&c=6

Portal do Governo do Estado de São Paulo/S. da Cultura

Para mais informações clique em AJUDA no menu.

 





Clique aqui para baixar o Acrobat Reader