> Sistema Documentação
> Memorial da Educação
> Temas Educacionais
> Temas Pedagógicos
> Recursos de Ensino
> Notícias por Temas
> Agenda
> Programa Sala de Leitura
> Publicações Online
> Concursos & Prêmios
> Diário Oficial
> Fundação Mario Covas
Boa noite
Sábado , 24 de Setembro de 2022
>> Notícias
   
 
Governador lança campanha Consciência Negra 2010


Goldman lança Campanha Consciência Negra 2010

Também serão anunciadas outras medidas que integram a campanha, como o Encontro Paulista de Hip Hop e o grande show de 20 de novembro

Milton Michida

Governador Alberto Goldman lança a quarta edição da campanha que desafia a população a explicar, por meio de imagens e palavras, o que significa Consciência NegraDownload
Play
AnteriorPosteriorÁudioDownloadURL e Código
(atualizado às 12h)

O governador Alberto Goldman lançou nesta quinta-feira, 13, a quarta edição da Campanha Consciência Negra, que desafia a população a explicar, por meio de imagens e palavras, o que significa "Consciência Negra". O concurso de cartazes "Consciência Negra em Cartaz - O que é Consciência Negra para Você?" é uma iniciativa da Secretaria da Cultura e as inscrições abertas hoje, vão até 1º de setembro. A participação é livre, aberta ao público de todas as idades, e os cartazes podem ser enviados pelos Correios ou até mesmo criados no site da campanha: www.consciencianegra.com.br.

Em novembro, a Secretaria vai escolher os melhores trabalhos com a ajuda de uma banca de especialistas em publicidade. "É importante que as pessoas cheguem à consciência que somos todos iguais, independentemente de cor de pele, de origem, de raça, de pensamento político e de religião. Somos todos iguais", disse o governador. O cartaz vencedor será utilizado na divulgação do Show da Consciência Negra, ponto alto da campanha, tradicionalmente realizado na Praça da Sé, no dia 20 de novembro de cada ano.

"Depois de lembrar personalidades negras da nossa história, receber cartas sobre o racismo e o preconceito, e mostrar a influência negra na vida brasileira por meio de fotos, a campanha dá um passo à frente. Convidamos os participantes a descrever, com imagens e palavras, o que falamos desde 2007", afirma o assessor para Gêneros e Etnias da Secretaria, Leandro Rosa, ao relembrar as edições anteriores.

Além de designers, publicitários, artistas plásticos e estudantes, a Secretaria espera receber a contribuição da população em geral. Para isso, o site www.consciencianegra.com.br estará inteiramente no ar a partir de 24 de maio. Além de fonte de informações, ele pode ser usado para envio de frases e imagens por qualquer pessoa. As contribuições enviadas para o site vão integrar um acervo de ideias e sugestões. Com uma ferramenta interativa, o internauta vai poder juntar frases e imagens e montar o seu próprio cartaz. "Uma campanha desse tipo, ainda que seja uma gota no oceano, é essencialmente para a luta pela igualdade", completou Goldman.

Outra atração do site é o Blog Consciência Negra, que oferecerá explicações e exemplos de cartazes, bem como mostras virtuais de cartazes temáticos. Contribuições dos visitantes também serão bem-vindas.

Além do concurso de cartazes, a Assessoria de Cultura para Gêneros e Etnias lança também um pacote de medidas que integram a Campanha Consciência Negra 2010, entre elas, o Edital de apoio a cidades para a comemoração no dia 20 de novembro; um curso de capacitação para o edital de Hip Hop e o 4º Encontro Paulista de Hip Hop, previsto para o dia 27 de novembro, no Memorial da América Latina. Em 20 de novembro, a Secretaria da Cultura promoverá um grande show, na Praça da Sé, para marcar o dia da Consciência Negra.

Regulamento

Os participantes da Campanha Consciência Negra 2010 devem ser pessoas físicas, de qualquer idade, e não precisam residir no Estado de São Paulo. A inscrição pode ser feita em nome de uma pessoa ou equipe, e o limite é de três cartazes por participante.

Os cartazes, que não precisam ser inéditos, podem ser enviados por e-mail, para endereço eletrônico disponível no site, ou pelo correio, para a Caixa Postal 13810 - CEP: 01216-970 - São Paulo - SP. Eles devem estar acompanhados da ficha de inscrição preenchida, que pode ser impressa do site ou destacada do material de divulgação da campanha.

Também é necessária a inclusão da assinatura do participante com um "de acordo", já que todos os cartazes serão publicados no site da

http://www.saopaulo.sp.gov.br/spnoticias/lenoticia.php?id=209836

Secretaria da Cultura

Para mais informações clique em AJUDA no menu.

 





Clique aqui para baixar o Acrobat Reader