> Sistema Documentação
> Memorial da Educação
> Temas Educacionais
> Temas Pedagógicos
> Recursos de Ensino
> Notícias por Temas
> Agenda
> Programa Sala de Leitura
> Publicações Online
> Concursos & Prêmios
> Diário Oficial
> Fundação Mario Covas
Bom dia
Terça-Feira , 27 de Setembro de 2022
>> Notícias
   
 
Férias no Museu ensina ciência de forma lúdica


www.envolverde.com.br - 19.07.10

Férias no Museu” ensina ciência de forma lúdica e divertida para a garotada

Por Camila Delmondes


No dicionário, “férias” é sinônimo de descanso. Mudança de rotina que ajuda a restaurar o corpo, a mente e a disposição. Na Unicamp, a palavra também significa diversão, aprendizado e cooperação. Desde a manhã desta segunda-feira (12) até o próximo dia 23 de julho acontece a quinta edição do “Férias no Museu”, programa voltado aos filhos de docentes, alunos e funcionários da Universidade e da Funcamp, com idade entre 10 e 15 anos. A programação gratuita é organizada pelo Museu Exploratório de Ciências (MC) com o apoio do Grupo Gestor de Benefícios Sociais (GGBS). As inscrições foram encerradas no dia 25 de junho.

Ao todo, serão oito dias de atividades no MC e na Faculdade de Educação Física (FEF). Os participantes foram divididos em quatro grupos de acordo com a faixa etária. Cada grupo terá dois dias para fazer novos amigos, trocar experiências e aprender muito sobre ciência. As crianças comparecem nos dias 12, 13, 15 e 16. Já os adolescentes realizam as atividades nos dias 19, 20, 22 e 23. Não haverá atividades nos dias 14 e 21. Nesta edição, o Férias no Museu tem como tema “O valor da cooperação entre as pessoas”. Assim, logo pela manhã do primeiro dia os participantes tiveram como missão escolher um nome para as equipes e criar um grito de guerra. A imaginação estava à solta e os grupos rapidamente foram batizados: Game Over, Amebas, Fúria, Nano e Loucos pelas Férias no Museu (LFM).

A inibição rapidamente deu lugar a rimas e músicas extrovertidas, que iriam impulsionar as equipes, minutos depois, na sessão da NanoAventura. Em seguida, pausa para o almoço no Restaurante Universitário. Fôlego recuperado, foi hora da Oficina Desafio, que impôs a seguinte questão: quem é capaz de planejar, construir e operar um equipamento para ajudar a transportar água no canteiro de obras de um edifício de três andares?

A pequena de olhar tímido, Paula Camargo, de 11 anos, participa pela primeira vez do Férias no Museu. Acostumada a viajar para a praia em janeiro, passear nos shoppings e parques de Campinas, ela analisa com interesse a agitação a sua volta. “É tudo muito novo”, disse, referindo-se a NanoAventura, exposição sobre nanociência e nanotecnologia do MC. “Acho que vou gostar e, talvez, voltar nas próximas”, cogitou. O novo coleguinha da garota, Cícero de Castro, de 11 anos, participa pela terceira vez do programa. “Acho tudo legal. Gosto muito dos jogos da Nanoaventura e devo participar novamente”, afirmou.

A fidelização dos participantes é uma das grandes marcas do programa. Para Adriana Rossi, Diretora Educacional do MC, a renovação das atividades de recreação, as diferentes situações propostas pela Oficina Desafio e a recepção calorosa realizada pelos monitores são fatores que contribuem para que muitos dos participantes se tornem “velhos conhecidos” do Museu, como amigos que sempre se encontram nas férias. “Não é apenas diversão. Torcemos para que muitos desses pequenos sejam nossos universitários no futuro”, lembrou Adriana, referindo-se sobre um dos principais objetivos do programa: motivar crianças e adolescentes a gostar de ciência.

De acordo com Vitor Lécio, estudante do 3º ano de bacharelado em Física e monitor do programa, “a divulgação científica é uma contribuição fundamental não só para a sociedade, mas para o profissional que atua com ciência”. O “Férias no Museu” acontece todos os dias, das 9h às 17h, sempre com a supervisão de monitores do MC. Os participantes recebem kit com camiseta, boné, colete e squeeze. No encerramento de cada grupo, os pais são convidados para um lanche de confraternização.









FOTO



Crédito: Antonio Scarpinetti



Edição das imagens: Luís Paulo Silva







(Envolverde/Unicamp)



© Copyleft - É livre a reprodução exclusivamente para fins não comerciais, desde que o autor e a fonte sejam citados e esta nota seja incluída.


http://www.envolverde.com.br/materia.php?cod=77598&edt=40

UNICAMP

Para mais informações clique em AJUDA no menu.

 





Clique aqui para baixar o Acrobat Reader