> Sistema Documentação
> Memorial da Educação
> Temas Educacionais
> Temas Pedagógicos
> Recursos de Ensino
> Notícias por Temas
> Agenda
> Programa Sala de Leitura
> Publicações Online
> Concursos & Prêmios
> Diário Oficial
> Fundação Mario Covas
Bom dia
Sexta-Feira , 07 de Outubro de 2022
>> Notícias
   
 
Escolas públicas de Embu das Artes criam sites


www.envolverde.com.br - 20.09.10

Escolas de Embu das Artes criam sites para divulgar atividades culturais da cidade

Por Sarah Fernades, do Aprendiz

Procurar pautas inéditas, entrevistar fontes, escrever textos e fotografar eventos. O que parece ser a rotina de um jornalista é, na verdade, o dia a dia dos alunos de três escolas públicas de Embu das Artes (SP), que criaram blogs para que os estudantes divulguem atividades culturais que ocorrem no município a preços populares. Os eventos sugeridos custam até R$ 5.

Os blogs Asteca Catraca (Escola Estadual Maria de Almeida Asteca), Freire Catraca (Escola Municipal Paulo Freire) e Mauro Catraca (Escola Municipal Mauro Ferreira) são atualizados por alunos de 9 a 15 anos, que devem pesquisar os eventos oferecidos no município, procurar fotos, redigir textos e publicá-los no site. As atividades acontecem no contra turno das aulas, uma vez que os colégios participantes estendem a jornada das 7h às 14h ou das 11h às 18h.

Por serem consideradas escolas integrais, as ações das chamadas oficinas de mídia farão parte do Programa Mais Educação, uma iniciativa do governo federal que visa ampliar o tempo e o espaço educacional dos alunos da rede pública. A perspectiva é que, até o fim do ano, as escolas municipais Reinaldo da Gama e Elza Marreiro Medina também lancem seus blogs e participem da rede que reúne os sites das escolas em um espaço da Internet, chamada Palco Digital.

“Os alunos se interessaram em saber o que acontece na cidade e em aprender a usar as redes sociais e a editar imagens”, conta a coordenadora da iniciativa, Gisele Kubo. “Eles melhoraram sua capacidade de escrever, fazer pesquisas, seleções e de respeitar outras opiniões. Também passaram a ler jornal. Muitos nem sabiam que tínhamos jornais do município”.

O projeto começou nos primeiros meses de 2010, quando a organização social Faça Parte fez uma articulação com o Ministério da Educação. Na ocasião, o órgão público sugeriu que a Secretaria de Educação de Embu das Artes desenvolvesse o projeto.

Em junho, o Palco Digital foi aberto a outras escolas e associações comunitárias. Até meados de setembro já somavam 75 blogs em Rondônia, Maranhão, Pará, Ceará, Piauí, Goiás, Mato Grosso do Sul, São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul.

“Sempre sugerimos o uso de plataformas gratuitas, como o Wordpress e o Blogspot”, conta a coordenadora de relações com as escolas do Faça Parte, Luiza Marcondes. “A proposta é que os alunos façam a produção, que eles tenham bagagem cultural para ir atrás do que se interessam e que usem as redes sociais para divulgar eventos e cobrar coisas que faltam no seu município”.

A perspectiva do Palco Digital é fazer uma parceria com o Ministério da Cultura para que a iniciativa seja implantada em Pontos de Cultura.



(Envolverde/Aprendiz)



© Copyleft - É livre a reprodução exclusivamente para fins não comerciais, desde que o autor e a fonte sejam citados e esta nota seja incluída.


http://www.envolverde.com.br/materia.php?cod=81036&edt=8

Aprendiz

Para mais informações clique em AJUDA no menu.

 





Clique aqui para baixar o Acrobat Reader