> Sistema Documentação
> Memorial da Educação
> Temas Educacionais
> Temas Pedagógicos
> Recursos de Ensino
> Notícias por Temas
> Agenda
> Programa Sala de Leitura
> Publicações Online
> Concursos & Prêmios
> Diário Oficial
> Fundação Mario Covas
Bom dia
Quarta-Feira , 28 de Setembro de 2022
>> Notícias
   
 
Obras exigidas pela USP estão na internet


www.jt.com.br - 03.02.11

Obras exigidas pela USP estão na internet


A Fundação Universitária para o Vestibular (Fuvest), que organiza o processo seletivo para a Universidade de São Paulo (USP), anunciou ontem que manterá a mesma lista de obras literárias de leitura obrigatória pedida no último vestibular para o próximo processo seletivo, que será realizado no final deste ano.

Dos nove livros listados, seis são obras de domínio público e estão disponíveis gratuitamente na internet, no site www.dominiopublico.gov.br. A lista de livros de leitura obrigatória para ingressar na USP é a mesma exigida no processo seletivo da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

Só não são de domínio público três obras literárias escritas por autores do século passado: Vidas Secas, de Graciliano Ramos; Capitães da Areia, de Jorge Amado; e Antologia Poética, de Vinícius de Moraes (segunda edição) – mesmo assim, os arquivos de alguns desses livros, ou resumo deles, podem ser encontrados de graça na internet em alguns sites.

Pela lei federal que regula os direitos autorais, sancionada em fevereiro de 1998, um livro passa a ser de domínio público 70 anos depois do falecimento do autor, a contar do ano seguinte da morte.

Dessa forma, dos autores exigidos pela USP para o vestibular de 2012, Graciliano Ramos será o próximo cuja produção literária vai virar de domínio público. Alagoano, o autor de Vidas Secas, São Bernardo e Angústia morreu em janeiro de 1954 e sua obra vai ficar livres dos direitos autorais daqui a 13 anos, em 2024.

Segundo o manual do candidato do vestibular passado, o aluno deve demonstrar “conhecimento das obras representativas dos diferentes períodos das literaturas brasileira e portuguesa”.

O conhecimento desse repertório implica “capacidade de analisar e interpretar os textos, reconhecendo seus diferentes gêneros e modalidades, bem como seus elementos de composição”. No site do domínio público, vinculado ao portal do Ministério da Educação, estão disponíveis centenas de obras literárias e trabalhos científicos.
LISTA COMPLETA

> > Auto da Barca do Inferno, de Gil Vicente dominiopublico.gov.br)

> > Memórias de um Sargento de Milícias, de Manuel Antônio de Almeida dominiopublico.gov.br)

> > Iracema, de José de Alencar dominiopublico.gov.br)

> > Dom Casmurro, de Machado de Assis dominiopublico.gov.br)

> > O Cortiço, de Aluísio Azevedo dominiopublico.gov.br)

> > A Cidade e as Serras, de Eça de Queirós dominiopublico.gov.br)

> > Vidas Secas, de Graciliano Ramos

> > Capitães da Areia, de Jorge Amado

> > Antologia Poética (com base na 2.ª edição aumentada), de Vinícius de Moraes

http://blogs.estadao.com.br/jt-cidades/obras-exigidas-pela-usp-estao-na-internet/

FUVEST

Para mais informações clique em AJUDA no menu.

 





Clique aqui para baixar o Acrobat Reader