> Sistema Documentação
> Memorial da Educação
> Temas Educacionais
> Temas Pedagógicos
> Recursos de Ensino
> Notícias por Temas
> Agenda
> Programa Sala de Leitura
> Publicações Online
> Concursos & Prêmios
> Diário Oficial
> Fundação Mario Covas
Boa noite
Terça-Feira , 21 de Novembro de 2017
>> Notícias
   
 
Congresso debate Escola de Tempo Integral


Publicado pelo Governo do Estado de SP 28/03/2006

(Cíntia Cury)
O programa Escola de Tempo Integral, implantado pelo Governo de São Paulo este ano em 514 escolas, é debatido no Congresso Internacional que começou nesta segunda-feira, dia 27, no Palácio das Convenções do Anhembi. O evento reúne, além dos profissionais da rede estadual paulista, importantes nomes internacionais, que trazem ao Brasil experiências de Escola de Tempo Integral implantadas no Chile, Espanha, Inglaterra e Estados Unidos.

“Hoje, estamos fazendo um encontro para discutir a Escola de Tempo Integral as experiências internacionais. O Chile, a Inglaterra a Espanha e Portugal têm experiências muito exitosas, além da Coréia e Finlândia. Mas aqui, quatro países trazem experiências importantes”, observou o governador Geraldo Alckmin, que participou da cerimônia de abertura do Congresso, que vai até amanhã.

A Escola de Tempo Integral deve ser ampliada a partir do próximo ano, atingindo mais 1.000 escolas.

De acordo com a coordenadora da Coordenadoria de Estudos e Normas Pedagógicas (Cenp), Sônia Maria Silva, as experiências dos conferencistas internacionais servirão para inovar ou adequar ao programa paulista. Ela ressaltou que a Escola de Tempo Integral conta com a aprovação dos pais e empenho dos educadores.

O secretário estadual da Educação, Gabriel Chalita destacou a queda nos índices de evasão escolar nos últimos cinco anos. Segundo ele, em 2001, 2% dos alunos de 1ª a 4ª séries abandonavam os estudos. Hoje, esse índice é de 0,6%. Já entre os alunos de 5ª a 8ª séries, o percentual caiu de 6,3% para 2,5% e, no Ensino Médio, de 12,1% para 7%. “Isso indica que a escola está mais acolhedora. Os alunos não abandonam a escola porque gostam da escola que estão freqüentando. Isso é trabalho dos educadores”, observou.

Chalita apontou que os índices paulistas contribuíram para baixar os índices de evasão do Brasil, que continuam mais altos que os do Estado. Entre os alunos de 1ª a 4ª séries, o índice Brasil de evasão escolar em 2001 era de 10% e hoje é de 8%. Da 5ª a 8ª séries, era 10,9% e hoje é de 10%. E no Ensino Médio caiu de 16% para 15,1%.

201 obras em 168 prefeituras

Durante a cerimônia, o governador também participou da estréia da TV Digital – Canal do Saber e autorizou que a Secretaria de Estado da Educação estabeleça convênios com 168 prefeituras para a realização de 201 obras e/ou reformas em escolas, no valor de R$ 56 milhões. “As obras serão feitas de maneira descentralizada. O governo não faz nenhuma licitação. Pega o dinheiro e passa para as prefeituras, que fazem as obra. Isso gera emprego no município e rapidez na obra, que é feita com mais rapidez, qualidade e menos custo”, afirmou Alckmin.

Ele também autorizou a realização de pregão presencial para a contratação de serviços de aperfeiçoamento e enriquecimento curricular para 150 mil alunos do 3º ano do Ensino Médio em cursinhos pré-vestibular e autorizou a entrega de 1.500 kits fanfarra, com instrumentos musicais, para escolas da rede estadual.

TV Digital

A TV Digital – Canal do Saber, lançada nesta segunda-feira, dia 27, durante o Congresso Internacional de Educação – Programa Escola de Tempo Integral, vai proporcionar interatividade comunicação direta dos órgãos da Secretaria da Educação com as 5.306 escolas da rede, com a transmissão de teleconferências, videoconferências, aulas semipresenciais, intranet, internet e vídeos educativos. A abertura do congresso, que vai até o dia 28, será feita pelo governador Geraldo Alckmin. O objetivo do encontro é debater os fundamentos do programa implantado pelo Governo paulista inicialmente em 514 escolas estaduais, que mantém os alunos nas unidades escolares das 7 às 16h10 e oferece, além das aulas tradicionais, oficinas culturais, atividades esportivas e orientação à pesquisa e aos estudos.
Leia mais em:

http://www.saopaulo.sp.gov.br/sis/lenoticia.php?id=72059

Imprensa Oficial

Para mais informações clique em AJUDA no menu.

 





Clique aqui para baixar o Acrobat Reader