> Sistema Documentação
> Memorial da Educação
> Temas Educacionais
> Temas Pedagógicos
> Recursos de Ensino
> Notícias por Temas
> Agenda
> Programa Sala de Leitura
> Publicações Online
> Concursos & Prêmios
> Diário Oficial
> Fundação Mario Covas
Boa tarde
Quinta-Feira , 01 de Dezembro de 2022
>> Planejamento e Proposta Pedagógica
   
 
A construção da Proposta Pedagógica da Escola

SEE/CENP


Este texto parte de uma nova compreensão do papel da escola no mundo atual.
Focaliza a elaboração e a consecução da proposta pedagógica. Apresenta um roteiro de questões para nortear o processo de reflexão e de planejamento. Lembretes e sugestões auxiliam cada escola a construir seu próprio projeto pedagógico.
Discute também a questão da avaliação e, mais especificamente, o regime de progressão continuada. Enfatiza que esta nova forma de avaliar leva a uma ressignificação das concepções de ensino, de aprendizagem e de avaliação.
O texto explica, ainda, as bases legais do projeto pedagógico na Lei de Diretrizes e Bases (LDB) e nos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs). Bem como, os pressupostos pedagógicos da avaliação na progressão continuada, contidos na Deliberação do Conselho Estadual de Educação (CEE nº 9/97) e na Indicação CEE nº 22/97.

Clique aqui para ler o texto na íntegra. Para isso você precisa ter o programa Acrobat Reader. Para instalá-lo, clique aqui.

"A progressão continuada, portanto, deve ser entendida como um mecanismo inteligente e eficaz no ajuste da realidade do fato pedagógico à realidade dos alunos, e não como um meio artificial e automático de ´empurrar´ os alunos para as séries, etapas, fases subseqüentes."

"No contexto da progressão continuada, as expressões habituais de aprovação e reprovação perdem sentido e cedem lugar aos conceitos de progressão, aprendizagens diferenciais e desenvolvimento global, orientados por maior clareza quanto aos objetivos do ensino fundamental na sociedade contemporânea, na comunidade onde a escola se insere, em um contexto de democratização da educação. O referencial passa a ser o objetivo de socialização dos conhecimentos básicos para todos e não critérios de excelência em cada fragmento do conhecimento para poucos."

Publicação: A escola de cara nova: Planejamento. São Paulo: SE/CENP, 2000
Páginas: 10-16.

Para mais informações clique em AJUDA no menu.

 





 Download do      arquivo

Clique aqui para baixar o Acrobat Reader

 Indicação CEE nº 22/97