> Sistema Documentação
> Memorial da Educação
> Temas Educacionais
> Temas Pedagógicos
> Recursos de Ensino
> Notícias por Temas
> Agenda
> Café Cultural
> Publicações Online
> Concursos & Prêmios
> Diário Oficial
> Fundação Mario Covas
Boa tarde
Sábado , 22 de Novembro de 2014
 
>> Escola de Tempo Integral


Para subsidiar as ações da escola em Tempo Integral, reunimos nesta página artigos, links e referências bibliográficas referentes às questões do planejamento, da proposta pedagógica, autonomia da escola, avaliação, projeto pedagógico, gestão e atividades escolares.



   Publicações Institucionais - SEE / CENP

Diretrizes da Escola De Tempo Integral. São Paulo: SEE, 2006.
(Documento do Congresso Internacional de Educação, realizado em São Paulo, em 27 e 28/03/06).
Apresenta as diretrizes gerais que fundamentam a concepção e a implementação da Escola de Tempo Integral, cujas orientações e sugestões práticas subsidiam gestores e professores para o planejamento, a organização e a avaliação das Oficinas Curriculares que compõem a matriz curricular.
Disponível no CRE para consulta


Em Foco: A Escola nas Férias. São Paulo: SEE/CENP, 2000.
Em Foco: A Escola nas Férias propõe a realização de projetos aglutinadores das experiências vivenciadas por alunos e professores, transformando-as em um produto que permita ao aluno e à comunidade escolar observar o que foi possível progredir na aprendizagem. É proposto um conjunto de sugestões de atividades que articulam os seguintes aspectos: a pedagogia de projetos, a seleção dos núcleos temáticos e a linguagem fotográfica.
Disponível para Download


A Escola nas Férias- Aprendendo Sempre. São Paulo: SEE/CENP, 2001.
Esta publicação destina-se à ampliação e articulação do trabalho escolar organizado em torno das três diferentes áreas do conhecimento: Linguagem e Códigos, Ciências da Natureza e Matemática, Ciência Humanas.
As sugestões apresentadas para subsidiar o trabalho dos professores objetivam dinamizar a tarefa educativa, tanto na recuperação paralela como contínua, e sobretudo o trabalho regular e cotidiano na sala de aula.
Disponível para Download
Parte 1
Parte 2
Parte 3
Parte 4


Textos e Contextos Formando Leitores-Ciclo I. São Paulo.SEE/CENP, 2002.
A publicação apresenta atividades destinadas às séries iniciais do Ciclo I, destacando conteúdos relativos à alfabetização e ao letramento. O trabalho divide-se em duas partes: Entrando no Mundo dos Livros e Entrando no Mundo da Escrita com as Brincadeiras Populares.
Em Entrando no Mundo dos Livros prioriza-se a área de Língua Portuguesa com indicações para ouvir ,ler, produzir e analisar textos orais e escritos.
Entrando no Mundo da Escrita com Brincadeiras Populares aborda três antologias que exploram recursos estilísticos em parlendas, trava-línguas, adivinhas, cantigas e outras brincadeiras populares.
Disponível para Download
Parte 1
Parte 2
Parte 3
Parte 4
Parte 5
Parte 6


Textos e Contextos Formando Leitores -Ciclo II. São Paulo.SEE/CENP, 2002.
O objetivo desta publicação é apresentar propostas de trabalho com leitura de livros selecionados pelas escolas. As atividades abrangem os componentes curriculares do Ciclo II do Ensino Fundamental, aprofundando as reflexões sobre o ler/escrever na escola, numa direção multidisciplinar. O trabalho é composto de 4 partes. As duas primeiras destacam a importância de todos os professores na formação do aluno na leitura e escrita. Na terceira parte pretende-se estimular a elaboração de outras propostas de trabalho e a última privilegia a produção textual, buscando o aprimoramento da escrita.
Disponível para Download


A Construção da Proposta Pedagógica da Escola. A Escola De Cara Nova.
Planejamento 2000. São Paulo. SEE 2000.
Esta publicação tem a finalidade de subsidiar as reflexões, decisões e ações a serem tomadas nos trabalhos do planejamento escolar. Trata-se de um conjunto de textos que abordam a progressão continuada, a avaliação e o projeto pedagógico. Revisitar esses textos, a maioria deles já conhecida, contribui para alicerçar os conceitos fundamentais na construção das etapas de um projeto pedagógico.
Disponível para Download
Parte 1
Parte 2


   Artigos

Reflexões sobre Educação Integral e Escola de Tempo Integral
Antonio Sérgio Gonçalves - Caderno Cenpec, nº2 - Educação Integral

A construção da proposta pedagógica da escola. A escola de cara nova. Planejamento 2000, São Paulo: SE/CENP, 2000. p.10-17.

Proposta pedagógica e autonomia da escola. José Mário Pires Azanha. A Escola de Cara Nova /Planejamento, São Paulo: SE/CENP, 2000. p.18-24.

A construção do projeto pedagógico na escola de 1º grau Selma Garrido Pimenta. Série Idéias n. 8, São Paulo: FDE, 1998. p. 17-24.

O planejamento do trabalho pedagógico:
algumas indagações e tentativas de respostas.
José Cerchi Fusari. Série Idéias n. 8. São Paulo: FDE, 1998. p.44-53

Rever o quê, mudar por quê. Luiz Carlos de Menezes, Revista Acesso, Revista Acesso: revista de educação e informática, n.14, São Paulo: FDE, dez. 2000. p. 29-34

Avaliação da aprendizagem e progressão continuada:
bases para construção de uma nova escola.
Zilma de Moraes Ramos de Oliveira. Revistas de Estudos e Avaliação Educacional, São Paulo: Fundação Carlos Chagas, jul./dez., 1998. p. 7-12.

   Links


Anísio Teixeira - O defensor da escola pública na teoria e na prática
Reportagem que apresenta algumas idéias do pensador que propôs e executou medidas para democratizar o ensino e defendeu a escola de tempo integral para alunos e professores.
http://revistaescola.abril.com.br/edicoes/
Esp_010/aberto/mt_especial_258675.shtml


O Brasil precisa de escolas
Em entrevista a Revista Ciência Hoje, o educador francês Jean Hébrard defende a escola em tempo integral no país como único meio de garantir alfabetização plena e rápida às crianças das camadas populares.
http://cienciahoje.uol.com.br/controlPanel/materia/view/3152

Educação Integral - Articulação de projetos e espaços de aprendizagem
O artigo produzido pelo CENPEC trata da Educação Integral que aparece, também, na perspectiva de tempo integral de atendimento. Faz referências a duas experiências mais conhecidas de escola pública de tempo integral no Brasil.
http://www.cenpec.org.br/modules/xt_conteudo/index.php?id=46

Aula extra reforçará orientação de estudos
Reportagem que aborda a questão das atividades extracurriculares que deverão fazer parte da escola em tempo integral. Essas atividades incluem de meditação a oficinas de arte.
http://www.pnud.org.br/educacao/reportagens/
index.php?id01=1733&lay=ecu


Criança na escola? Programa de Formação Integral da Criança
Este artigo analisa uma política pública que foi implementada no Estado de São Paulo, entre os anos de 1986 e 1993. Este programa público, chamado Profic - Programa de Formação Integral da Criança, procurou estender o tempo de permanência das crianças pobres na escola e expandir as condições para seu melhor desempenho na aprendizagem.
http://www.scielo.br/scielo.php?
script=sci_arttext&pid=S0101-73301999000200004


Literatura e Representações da Escola Pública de Tempo Integral
Discute o projeto dos CIEPS – Escola de Tempo Integral, implantado no Estado do Rio de Janeiro entre 1983 2001.
http://www.anped.org.br/rbe27/anped-n27-art03.pdf

Escola da Ponte
Informações sobre a escola portuguesa em que não há séries, ciclos, turmas, anos, manuais, testes e aulas. Os alunos se agrupam de acordo com os interesses comuns para desenvolver projetos de pesquisa.
http://www.eb1-ponte-n1.rcts.pt/html2/portug/bemvindo.htm

É possível fazer uma escola diferente
Entrevista com o educador português José Pacheco da Escola da Ponte, coordena desde 1976 a Escola da Ponte, instituição pública que se notabilizou pelo projeto educativo inovador, baseado na autonomia dos estudantes.
http://novaescola.abril.uol.com.br/ed/171_abr04/html/falamestre.htm

Publicações
Relaciona livros ou capítulos de livros e artigos publicados sobre o tema – Escola de Tempo Integral.
http://www.fe.usp.br/psicologia/denise_publi.html

Se a vida sofre mudanças, também a escola deve mudar
Artigo de Domenico De Masi, professor de Sociologia do Trabalho na Universidade de Roma que apresenta previsões calculadas com base no estado atual de pesquisas científicas, que a escola deveria fazer para orientar a sua própria ação pedagógica e as escolhas de seus estudantes.
http://www.revistadigital.com.br/caderno_especial.asp?CodMateria=70

Antonio Nóvoa
Entrevista com o educador português que aborda entre outras questões, os desafios da escola, a formação de professores, as mudanças que precisam ser adotadas em termos de tempo, espaço e currículo escolar.
http://www.crmariocovas.sp.gov.br/ent_a.php?t=012

Jornada Escolar Completa
Portal do Ministério da Educação do Chile que apresenta alguns aspectos da jornada escolar completa: infraestrutura, projeto pedagógico, espaços educativos, entre outros.
http://www.mineduc.cl/index0.php?id_portal=21#

Hernandez
Apresenta a proposta do educador espanhol Fernando Hernández que defende a organização do currículo por projetos, com atuação conjunta de alunos e professores.
http://novaescola.abril.com.br/ed/154_ago02/html/
repcapa_qdo_hernandez.htm


Transgressão e Mudança na Educação
Resenha do livro de Fernando Hernandez com tema direcionado para projetos de trabalho na organização curricular.
http://www.conteudoescola.com.br/site/content/view/88/40/1/0/

Ensino com diálogo e investigação
Entrevista com o educador espanhol Fernando Hernandez que fala sobre a importância do trabalho com projetos na realidade social e educacional.
http://www.diarionaescola.com.br/Escola_25_06.pdf


Outros Links:

A Escola Parque da Bahia: experiência pedagógica pioneira no Brasil, obra de projeção internacional
http://www.prossiga.br/anisioteixeira/livro11/pagina33.htm

CIEPs e GPs: Programa Especial de Educação
http://www.fundar.org.br/darcy_educa_ciep-gp_progespecial.htm

Educação integral não significa colocar meninos numa sala de aula por oito horas.
http://www.risolidaria.org.br/util/view_noticia.jsp?txt_id=200511290015

Educação integral: uma nova identidade para a escola brasileira?
http://www.scielo.br/scielo.php?
script=sci_arttext&pid=S0101-73302002008100013


Histórico do Centro Educacional Carneiro Ribeiro
http://www.faced.ufba.br/escola_parque/historico_do_cecr.htm

Em tempo: a escola de horário integral.
http://www.educacaoonline.pro.br/
a_escola_de_horario_integral.asp?f_id_artigo=216


Da Escola-parque aos Centros Integrados de Educação Pública.
http://www.anped.org.br/rbe27/anped-n27-art03.pdf

Programa de Educação em Tempo Integral: Município de Apucarana
http://www.apucarana.pr.gov.br/integral.php?org=38


Subsídios para as Atividades da Escola de Tempo Integral


Jogos e brincadeiras
http://www.crmariocovas.sp.gov.br/jog_l.php?t=001

Leitura e Literatura
http://www.crmariocovas.sp.gov.br/lei_l.php?t=001

Arte-Educação
http://www.crmariocovas.sp.gov.br/aed_l.php?t=001

Artes-Música
http://www.crmariocovas.sp.gov.br/art_l.php?t=004

Recursos de Ensino
http://www.crmariocovas.sp.gov.br/efr_l.php?t=001
http://www.crmariocovas.sp.gov.br/efr_l.php?t=002


   Bibliografia


1. LIVROS

Disponíveis no CRE

ARANTES, Jorge. Programa especial de educação: um projeto político. Rio de Janeiro : MAUAD, 1998

EBOLI, Terezinha. Uma experiencia de educação integral: Centro Educacional
Carneiro Ribeiro. Rio de Janeiro : FGV, INL, 1971

LIMA, Chopin Tavares de. PROFIC: Diretrizes e ações. São Paulo : FDE, 1987.

____________. PROFIC: educação integral em construção. São Paulo : FDE, 1989.

PARO, Vitor Henrique. Escola de tempo integral: desafio para o ensino público. São Paulo : Cortez, Autores Associados, 1988

RIBEIRO, Darcy. O livro dos CIEPS. Rio de Janeiro : Bloch, 1986

RIBEIRO, Darcy; NIEMEYER, Oscar; MEMÓRIA, Tatiana Chagas. Carta: falas, reflexões, memórias; o novo livro dos CIEPS. Brasília : s. n., 1995

YUS RAMOS, Rafael. Educação integral: uma educação holística para o século XXI. Porto Alegre : ARTMED, 2002


Disponíveis em Outras Bibliotecas

BORGES, Livia Freitas Fonseca. A escola de tempo integral no Distrito Federal: uma analise de três propostas. Brasília : Unb, 1994 . Dissertação (Mestrado) (disponível na Faculdade de Educação da UnB)

CALEFI, Adriana Maria Sersun. Escola de tempo integral: reflexões sobre algumas experiências. Piracicaba, 2003. 175 f. Dissertação (Mestrado) (disponível na Universidade Metodista de Piracicaba)

COELHO, Lígia Martha Coimbra da Costa; CAVALIERE, Ana Maria Villela (Orgs). Educação brasileira e(m) tempo integral. Petrópolis : Vozes, 2002. (disponível na UNB)

COUTO, João Gilberto Parenti. A revolução que Vargas não fez : a implantação da escola pública de tempo integral. Belo Horizonte : Maza Edições, 2004. 48 p.

DELORS, Jacques. Educação: um tesouro a descobrir. São Paulo : CORTEZ , 2001 (disponível na Biblioteca FE/USP)

MOLOAU, Juan Hersztajn; CACCIAMALI, Maria Cristina; MILONE, Paulo César. Ampliacao do 1º grau para tempo integral. São Paulo : Fipe, 1987 (disponível na Biblioteca FEA/USP)

SAMPAIO, Sonia. Período integral nas escolas municipais de educacao infantil de São Paulo: retomando a polêmica. São Paulo, 1993 . Dissertação (Mestrado) (disponível na Biblioteca FE/USP)


2. ARTIGOS DE PERIÓDICOS

Disponíveis no CRE

BRANDÃO, Zaia. A escola de 1º grau em tempo integral: as lições da prática. Educação & Sociedade, São Paulo, Campinas, v. 10, n. 32, p. 116-129, abr. 1989

CAVALIERE, Ana Maria; COELHO, Lígia Martha. Para onde caminham os cieps : uma análise após 15 anos. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, n. 119, p. 147-174, jul. 2003

CAVALIERE, Ana Maria Villela. Educação integral: uma nova identidade para a escola brasileira? Educação & Sociedade, São Paulo, Campinas, v. 23, n. 81, p. 247-270, dez. 2002

COELHO, Ligia Martha C. Costa. Escola pública de horário integral e qualidade de ensino. Ensaio: avaliação e políticas públicas em educação, Rio de Janeiro, v. 11, n. 4, p. 121-128, abr./jun. 1996

COELHO, Ligia Martha C. Costa. Escola pública de horário integral. Presença Pedagógica, Belo Horizonte, v. 3, n.15, p. 53-59, maio/jun. 1997

COSTA, Marly de Abreu. Comparação das estimativas do custo/aluno em dois CIEPS e duas escolas convencionais do município do Rio de Janeiro. Educação & Sociedade, São Paulo, Campinas, v. 12, n. 40, p. 486-501, dez.1991

DAVIS, Cláudia. Escola Pública. Estudos em Avaliação Educacional, São Paulo, n. 5, p. 29-49, jan./jun. 1992

GARCIA, Regina. CIEP: a paixão deslocada. Proposta, Rio de Janeiro, n. 52, p. 11-13, mar. 1992

GATTI, Bernardete A. Avaliação da jornada única em São Paulo. Estudos em Avaliação Educacional, São Paulo, n. 5, p. 85-89, jan./jun. 1992

GONZALES ARROYO, Miguel. O direito ao tempo de escola. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, n. 65, p. 3-20, maio1988

LOBO JR., Dácio. Sobre as relações entre as questões da educação e do populismo. Educação & Sociedade, São Paulo, Campinas, v. 8, n. 24, p. 48-60, ago. 1986

MARTINO, Luís Mauro; FAGUNDES, Anna Carolina. Agenda cheia. Educação, São Paulo, v. 7, n. 75, p. 24-25, jul. 2003

PAIVA, Vanilda. O populismo e a educação no Rio de Janeiro: resposta a Darcy Ribeiro. Educação & Sociedade, São Paulo, Campinas, v. 7, n. 22, p.134-137, nov. 1985

PARO, Vitor; FERRETI, Celso J.; VIANNA, Cláudio P. A escola pública de tempo integral: universalização do ensino e problemas sociais. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, n. 65, p. 11-20, maio 1988

________. Viabilidade da escola pública em tempo integral. Educação & Sociedade, São Paulo, Campinas, v. 10, n. 29, p. 86-99, jul. 1988

PIPITONE, Maria Angélica Penatti. Consideracoes em torno das propostas de escola de tempo integral. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasilia, v. 76, n.182-183, p. 367-402, jan./ago. 1995

RIBEIRO, Darcy. Pedagogia vadia. Educação & Sociedade, São Paulo, Campinas, v. 7, n. 22, p. 132-134, nov. 1985

SOUZA, Denise Trento Rebello de. Escola pública em tempo integral: o PROFIC na rede estadual de São Paulo. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, n. 76, p. 5-17, fev. 1991

TEIXEIRA, Anísio. A Escola Parque da Bahia. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Rio de Janeiro, v. 47, n. 106, p. 246-253, abr./jun. 1967

YUS RAMOS, Rafael. Educação integral e valores da não-violência. Pátio: revista
Pedagógica, Porto Alegre, v. 5, n. 21, p. 14-18, maio/jul. 2002

_______. Horário em blocos para a integração curricular e ... muito mais.
Pátio: revista pedagógica, Porto Alegre, v. 8, n. 30, p. 8-11, maio/jul. 2004